ES: Violência impede cultos Vitória

ES: Violência impede cultos Vitória

A onda de violência na região da Grande Vitória (ES) está afetando até a rotina das igrejas. Os constantes assaltos aos templos fizeram que estes fechassem mais cedo ou nem abrissem. Em alguns casos, os encontros são feitos na casa dos fiéis.

ES: Violência impede cultos Vitória

ES: Violência impede cultos Vitória

Em uma igreja no Jardim da Penha, há um ano os cultos das noites de domingo mudaram de horário, foi antecipado em uma hora. O motivo é a segurança dos fiéis, pois eles acreditam que o maior risco está no retorno para suas residências.

“Já houve casos de eles roubarem carro, de levarem o celular. Para o público é melhor ter segurança”, afirmou o membro da igreja, Valdecir Dossi.

Enoque de Castro, presidente da Associação de Pastores, relata que algumas denominações até diminuíram o número de reuniões durante a semana. “Hoje uma metodologia das igrejas é usar grupos caseiros, e as pessoas vêm para uma celebração maior, mas têm reuniões na localidade onde moram”, afirma.

O religioso Anderson, que comanda três comunidades na Praia da Costa, em Vila Velha, disse que os horários não mudaram, mas os templos têm vigilantes, câmeras de videomonitoramento e alarmes. “Algumas igrejas têm uma segurança patrimonial”, esclareceu.

Polícia se posiciona

Em nota, a Polícia Militar Informou faz operações e abordagens constantemente na Grande Vitória e tem a Operação Força Total, que emprega todo o efetivo da PM, inclusive, o administrativo uma vez por semana, para a rua.

A PM pede para que a população sempre registre a ocorrência dos crimes nas delegacias.

Crimes reincidentes

Frequentadores de uma igreja evangélica do bairro São Diogo, na Serra, Espírito Santo, foram assaltados durante a realização de um culto na noite de quarta-feira, 4 de julho.

Três criminosos entraram no templo armados e atiraram. Ninguém ficou ferido e os suspeitos ainda não foram encontrados. Cerca de 100 pessoas participavam do encontro quando os bandidos entraram na igreja e renderam a todos.