Recorde: Nadador cristão iguala marca Michael Phelps

Recorde: Nadador cristão iguala marca Michael Phelps

Caeleb Dressel fez história nos campeonatos mundiais de 2017, em Budapeste (Hungria) duas vezes. Apenas um dia depois de estabelecer um recorde ao se tornar o primeiro nadador a ganhar três ouro em uma noite em uma grande reunião internacional, no domingo, Dressel adicionou sua sétima medalha na modalidade 4 x 100m ‘medley’.

Recorde: Nadador cristão iguala marca Michael Phelps

Recorde: Nadador cristão iguala marca Michael Phelps

No total, o estudante da Universidade da Flórida de 20 anos ganhou três ouro individuais e fez parte de quatro equipes vencedoras, conquistando ouro, também em todas elas.

Lado a lado com Michael Phelps

Ele foi comparado ao lendário Michael Phelps pelo fato de ambos serem os únicos nadadores a conquistarem sete medalhas de ouro em campeonatos mundiais. Phelps fez isso em Melbourne em 2007 como um prelúdio para o seu recorde seguinte de oito ouros no ano seguinte nas Olimpíadas de Pequim.

“Estou muito cansado, mas você sabe, foi uma boa temporada, um bom ano, e participar de um grande evento de sete dias como este, é um sentimento muito bom”, disse ele depois da medalha final.

Quando perguntado sobre a comparação inevitável com Phelps, ele disse ao Washington Post: “Eu não sei se eu realmente concordo com essa comparação. Mas eu sei que ela acontecerá. Eu não acho que isso exerce pressão sobre mim. Eu só quero continuar fazendo o que amo, agora e no futuro”.

Phelps parabenizou Dressel com uma postagem Instagram, dizendo: “Este garoto está pegando fogo!”.

Inspiração na Palavra de Deus

Caeleb Dressel fez sua estréia olímpica no ano passado, no Rio, ganhando uma medalha de ouro como parte da equipe de relançamento do estilo masculino masculino de 4 x 100 metros dos EUA, ao lado de Michael Phelps.

Dressel geralmente carrega alguma referência de passagem bíblica em seu rosto. A referência muda a cada competição, mas a favorita para ele é a de Isaías 40:31: “Mas os que esperam no Senhor renovarão as forças, subirão com asas como águias; correrão, e não se cansarão; caminharão, e não se fatigarão”.

Esse verso foi a inspiração para que Dressel tatuasse uma grande águia em seu ombro esquerdo.

“É a razão pela qual eu estou no esporte, não apenas para marcar tempos mais rápidos, mas para inspirar as pessoas e mostrar-lhes onde encontro a minha felicidade com o que Deus me deu”, disse Dressel em uma entrevista no ano passado.

“Colocando toda a confiança em Deus”

Dressel esteve fora das piscina por um tempo e admitiu que vivenciou batalhas contra alguns “demônios mentais” durante esse período, mas Deus o ajudou nesta difícil caminhada. A vitória sobre tantos conflitos internos também serviu para renovar sua fé em Cristo.

“Saindo disso, comecei a nadar de novo e realmente passei a simplesmente confiei em Deus, sabendo que Ele iria cuidar de tudo para mim”, disse Dressel ao site Baptist Press.

O nadador americano lembrou que ele “realmente aprendeu muito”, superando aquele tempo de batalhas em sua vida.

“Eu realmente aprendi a ver a luz no final do túnel e confiar no que Deus está fazendo, seja um ponto difícil em sua vida ou um pináculo superior em sua vida. Você acabou de fazer pausas e realmente confia no que Ele está fazendo”, destacou.

“A natação é parte da minha vida e eu não me imagino fazendo outra coisa. Isto é o que eu deveria fazer. Deus me deu esse talento e eu vou fazer isso por Ele”, acrescentou.

Dressel foi criado em um lar cristão e treina na Universidade da Flórida, onde ele frequenta a Igreja de Cristo, que fica no Campus, em Gainesville.